SSPG inicia pesquisa de opinião sobre a edição brasileira de Perry Rhodan

Publicado em: Comunicados Data de criação: 2017-11-24 Visualizações: 452 Comentários: 0

A SSPG disponibilizou para os leitores de Perry Rhodan uma pesquisa de opinião para ajudar a definir os rumos da edição digital brasileira da série.

Em 24/11/2017, a SSPG disponibilizou para os leitores de Perry Rhodan uma pesquisa de opinião para ajudar a definir os rumos da edição digital brasileira da série a partir do segundo semestre de 2018. A realização da pesquisa foi anunciada após um planejamento feito pela editora para os próximos quatro anos, sendo inicialmente divulgada no final de setembro, no site oficial da série e no volume 925, e mais detalhes a respeito foram veiculados nos volumes 928 e 561 da edição da série.

Na pesquisa, cada leitor deverá responder as seguintes perguntas:

 

1) Qual sua opção preferida de série derivada de Perry Rhodan?

 

A intenção é saber, caso a SSPG publicasse em formato digital outras séries derivadas de Perry Rhodan, qual delas interessaria mais aos leitores. As opções oferecidas são: a série Atlan, a série dos “romances planetários” e a série Perry Rhodan NEO.

No caso da série Atlan, a intenção da editora seria publicar inicialmente as aventuras de Atlan em ordem cronológica: a juventude como Príncipe de Cristal em Árcon, suas aventuras temporais na Terra, o período como imperador de Árcon e futuramente os episódios dos demais ciclos apesentados na série Atlan clássica. Dessa forma, não seria seguida a ordem de publicação da série Atlan original, mas sim um esquema mais organizado e com aventuras que a editora acredita que teriam mais apelo entre os fãs inicialmente.

No caso dos “romances planetários”, a intenção é publicar inicialmente histórias relacionadas com os ciclos atuais que a SSPG edita em suas 3 frentes de publicação, seguidas depois por histórias ligadas a todos os ciclos anteriores. Desse modo, essa edição teria uma identificação maior com a edição atual da série principal de Perry Rhodan da SSPG, que os leitores já acompanham no Brasil, e, para isso, não seguiria necessariamente a ordem de publicação original dessa série na Alemanha.

Quanto à série Perry Rhodan NEO, que é uma nova versão das aventuras de Perry Rhodan desde o seu início, num ambiente atualizado e ligeiramente diferenciado da série clássica, seria sequida a ordem de publicação natural da Alemanha, onde ela já está no número 161.

Outras opções, como minisséries, não foram consideradas agora devido a, em muitos casos, estarem conectadas a eventos futuros em relação à edição brasileira.

 

2) Qual sua opção preferida de ciclo adicional de Perry Rhodan?

 

A intenção aqui é saber, caso a SSPG publicasse em formato digital outros ciclos da série principal de Perry Rhodan, qual ponto da série interessaria mais aos leitores. Embora haja dezenas de outros ciclos disponíveis, a editora considerou apenas 3 pontos marcantes como viáveis para o interesse dos leitores brasileiros com base no impacto e aceitação por parte dos leitores alemães e levando em conta sua distância considerável em relação ao ponto atual das edições da SSPG para justificar uma edição separada.

A primeira opção seria uma nova edição a partir do primeiro ciclo da série. Essa opção, embora já seja conhecida pela grande maioria dos fãs, é a mais solicitada espontaneamente pelos leitores à editora e permitiria que muitos completassem suas coleções. Essa edição traria um texto revisado ou até retraduzido, respeitando o estilo da antiga edição brasileira, com o padrão de qualidade da SSPG e possíveis materiais suplementares diferenciados.

A segunda opção seria a partir do nº 2000, um ponto marcante para a série como um todo e que representou uma inflexão na narrativa da série em busca de uma temática modernizada das histórias para o mercado atual. Curiosamente, sendo escolhida, significaria que o número 2000 seria publicado no Brasil antes mesmo do número 1000.

A terceira opção seria a partir do nº 2700, um ciclo que, embora já tenha sido publicado há 4 anos na Alemanha, representou uma recuperação na qualidade das histórias da série, com uma trama que conquistou os leitores com grande sucesso. Embora esteja à disposição para escolha, vale frisar que houve dúvidas por parte da editora em oferecê-la – não pela relevância ou qualidade das histórias, mas pelo fato de que está nos planos da SSPG o possível lançamento de uma nova frente de publicação a partir do número 3000, em 2019. Com o lançamento a partir do 2700, essa edição a partir do 3000 poderia ficar comprometida. Dessa forma, caso o leitor prefira aguardar uma edição a partir do 3000, pode optar por selecionar outra opção de ciclo e deixar para declarar sua preferência pelo lançamento a partir do nº 3000 numa futura pesquisa de opinião que a SSPG pretende fazer depois de 2018.

 

3) Quantos episódios ao todo você conseguiria comprar por mês?

 

Essa pergunta se refere ao total de volumes que o leitor julga ser capaz de adquirir em todas as frentes de publicação, tanto dos ciclos atuais quanto das novas séries ou ciclos que virão a ser publicados a partir de 2018, tomando como base os preços atuais. Com isso, a editora poderia ter uma ideia mais precisa do limite de oferta de volumes que traria equilíbrio financeiro ao projeto e evitaria riscos de cancelamentos de novas frentes devido à baixa procura dos leitores.

 

4) Qual o tipo de dispositivo em que você costuma ler a série?

 

Nessa pergunta, mesmo que o leitor utilize mais de um equipamento, dependendo das suas circunstâncias de leitura, deve ser selecionado aquele que é de uso mais frequente para ler os volumes da série. Com isso, a editora poderá buscar ajustes que melhorem a apresentação dos volumes em determinados dispositivos de maior popularidade entre os leitores.

 

5) Qual o formato de arquivo em que você costuma ler a série?

 

Nessa pergunta, vale o mesmo princípio da anterior: mesmo que mais  deum formato seja utilizado pelo leitor, deve ser selecionado o mais costumeiro em sua leitura.

 

A possibilidade de aumento da periodicidade das duas frentes de publicação de episódios inéditos da série (do 15º Ciclo, “Os Castelos Cósmicos”, e do 8º Ciclo, “O Enxame”) não está prevista na pesquisa, por um motivo simples: esse aumento nas frentes já está sendo planejado pela editora para ocorrer no primeiro semestre de 2018.

Para participar da pesquisa, é necessário que o leitor acesse sua conta da loja virtual, no site oficial da edição brasileira de Perry Rhodan (www.perry-rhodan.com.br). Após efetuar login na conta da  loja virtual e acessar a página "Minha Conta", deve-se rolar a tela até o fim da página. As opções da pesquisa estarão logo acima do bloco de links do rodapé.

A pesquisa estará disponível até o dia 31 de dezembro de 2017, e os resultados deverão ser divulgados pela SSPG no início de 2018.

 

Belo Horizonte, novembro de 2017

Equipe de Redação

SSPG Editora.

Faça um comentário

Captcha


PERRY RHODAN© is a registered trademark by Pabel-Moewig Verlag KG, Rastatt, Germany.
Copyright © 2001,2015 Star Sistemas e Projetos Gráficos Ltda., Brasil.
Perry Rhodan Brasil - SSPG Editora © 2017